Hoje nós escapamos de mais uma data escolhida como possível fim do mundo (11/11/11), mas a pior ainda está por vir: 21 de dezembro de 2012, segundo o calendário maia. Pensando nisso, a NASA resolveu acalmar o povo da Terra, afirmando que, se o planeta acabar, não será culpa do Sol.

Em um vídeo publicado pela agência espacial, o doutor Alex Turner avisa que o astro não deve incomodar a Terra pelos próximos bilhões de anos, mesmo que ele ainda não tenha sido totalmente compreendido pelos cientistas.

O que se sabe é que, algum dia, a expansão do Sol deve trazer as chamadas tempestades ou erupções solares para nosso planeta, causando danos bem maiores que simples queimaduras. Na verdade, esses fenômenos acontecem normalmente de acordo com um ciclo, porém em menor escala. O enfraquecimento da atmosfera terrestre também deve contribuir para maiores danos, mas, quando acontecer, isso não será mais um problema seu.

Cupons de desconto TecMundo: