App da Caixa permitirá solicitar auxílio emergencial de R$ 600

1 min de leitura
Imagem de: App da Caixa permitirá solicitar auxílio emergencial de R$ 600
Imagem: Pixabay
Avatar do autor

Na próxima terça-feira (07), a Caixa vai lançar um novo aplicativo para o cadastro de pessoas com direito a receber o auxílio emergencial do governo federal. A plataforma fará o registro dos trabalhadores informais que não estão inclusos em nenhuma base de dados de programas sociais oficiais, mas que cumprem os requisitos para ter a ajuda financeira.

Desenvolvido pela equipe de tecnologia do banco, o app para auxílio emergencial chegará primeiro em versão para Android, na loja virtual Google Play. A estimativa do governo é de que ele atenda entre 15 a 20 milhões de pessoas que não são cadastradas em programas como o Bolsa Família.

Por enquanto, não foram divulgadas as informações sobre como se dará o cadastro pelo celular, mas de acordo com o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, o próprio programa identificará se o trabalhador cumpre os requisitos definidos pelo governo, tendo direito a solicitar o benefício que será disponibilizado durante o período de quarentena para conter a disseminação do coronavírus.

O app mostrará se o cadastrado tem direito ao benefícioO app mostrará se o cadastrado tem direito ao benefícioFonte:  Freepik 

"Coronavoucher" App

O cadastro para auxílio emergencial via app deverá ser feito pelos microempreendedores individuais (MEIs), trabalhadores informais que não estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), e trabalhadores que contribuem com a Previdência Social na condição de autônomos.

Outras formas de se cadastrar

Além do novo app que será lançado pela Caixa, os interessados em obter o auxílio do governo durante o período de distanciamento social terão outras formas de efetuar o cadastro e verificar se realmente estão aptos a receber o dinheiro.

Conforme o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, o cadastramento também poderá ser feito por meio de um site e de uma central telefônica, que atenderão ao mesmo público-alvo do app. O endereço da nova página e o número do atendimento serão divulgados nesta terça-feira (07).

Ainda segundo Lorenzoni, o objetivo é que os pedidos registrados em qualquer um dos meios sejam processados em até 48 horas após a efetivação do cadastro. Quem cumprir todos os requisitos terá o recurso creditado pela Caixa, Banco do Brasil ou na rede bancária privada.

O auxílio emergencial será de R$ 600 mensais, podendo chegar a R$ 1.200, dependendo das condições da família.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
App da Caixa permitirá solicitar auxílio emergencial de R$ 600