Material quântico cria camuflagem contra câmeras infravermelhas

1 min de leitura
Imagem de: Material quântico cria camuflagem contra câmeras infravermelhas
Avatar do autor

Pesquisadores de cinco universidades dos Estados Unidos constataram que o óxido de níquel e samário (SmNiO3), ou niquelato de samário, descoberto há algumas décadas, possui a capacidade de ocultar as informações sobre a temperatura de um objeto de uma câmera infravermelha.

O niquelato de samário é um material quântico típico. Isso significa que ele apresenta em macroescala propriedades que só podem ser explicadas pela física quântica.

Já se sabia, por exemplo, que ele pertence à classe incomum de materiais chamados sistemas de elétrons correlacionados. Em ambientes com pouco oxigênio, quando esse gás é removido da estrutura molecular do material, ele passa a se comportar como um bom isolante de corrente elétrica.

Além disso, em altas temperaturas, o niquelato de samário é um dos poucos materiais que podem mudar de uma fase isolante para uma fase condutora.

Niquelato de samário (SmNiO3) em close. (Fonte: Erin Easterling/Purdue University)

Dissociação entre temperatura e radiação termal

A mais recente descoberta em relação ao niquelato de samário pôde comprovar que, que contrário dos materiais comuns, não quânticos, esse material não revela sua temperatura quando aquecido, e mantém esse feito entre 105 e 135 graus Celsius.

Apesar de não ser o único componente com esse tipo de característica, a faixa de temperatura alcançada pelo óxido de níquel e samário é bem mais extensa que a de outros materiais descobertos anteriormente.

Como o niquelato de samário pode fazer essa dissociação entre a temperatura e a radiação termal dos objetos, ele pode ser usado para camuflagem contra câmeras infravermelhas, que detectam pessoas e objetos justamente por meio de calor que emitem.

Os pesquisadores pretendem usar essa propriedade do SmNiO3 para criar novos tipos de óptica, construir peles artificiais com características semelhantes à pele dos tubarões e melhorar as próprias câmeras infravermelhas.

Material quântico cria camuflagem contra câmeras infravermelhas