Nova minilua da Terra é 'capturada' em cores; veja

1 min de leitura
Imagem de: Nova minilua da Terra é 'capturada' em cores; veja
Avatar do autor

Nesta semana, noticiamos que a NASA descobriu um novo asteroide próximo à Terra. Chamado de 2020 CD3, ele já está na nossa órbita há 3 anos. Agora, astrônomos do Observatório Gemini, no Havaí, conseguiram capturar uma imagem colorida desse asteroide que, segundo a NASA, pode ser considerado uma minilua do nosso planeta.

Os astrônomos utilizaram um telescópio de 8 metros chamado Gemini North e tiveram que tirar três fotografias com diferentes filtros (vermelho, verde e azul) para chegarem à imagem final. No centro da imagem abaixo é possível identificar um pequeno ponto luminoso: a minilua. Os traços coloridos ao seu redor são as estrelas, que estão nesse formato devido ao movimento do telescópio no momento do registro.

minimoon TARcropcln CC 2x enlarged 1
(Fonte: Observatório Gemini/Divulgação)

Até agora, sabe-se que o 2020 CD3 é formado por carbono e tem apenas entre 1,9 e 3,5 metros de diâmetro. Segundo as informações divulgadas pelo Observatório Gemini, essa minilua demora cerca de 47 dias para dar uma volta completa na Terra em um ciclo oval. Esse formato peculiar seria a razão para que, somente 3 anos depois, pesquisadores descobrissem sua presença.

“Obter as imagens foi uma corrida contra o tempo para a equipe, porque o objeto está rapidamente se tornando menos brilhante à medida que se afasta da Terra”, afirmou John Blakeslee, astrônomo do Observatório Gemini.

Apesar de recém-descoberto, a expectativa é de que 2020 CD3 saia da órbita terrestre em abril deste ano. Os pesquisadores acreditam na existência de outras possíveis miniluas e, a partir de agora, devem concentrar esforços para encontrá-las.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Nova minilua da Terra é 'capturada' em cores; veja