O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) anunciou hoje (11) que a base brasileira Estação Antártica Comandante Ferraz (EACF) no continente austral agora conta com conexão móvel 4G.

A novidade tardia foi introduzida por meio de uma atualização na estação de telecomunicações da base, que já era de responsabilidade da operadora Oi desde 2006. As negociações foram feitas com intermédio da Anatel e da Marinha do Brasil.

Com a melhoria, os pesquisadores que trabalham na EACF poderão usar a rede móvel tanto para fins pessoais quanto para profissionais. O objetivo é dar mais agilidade para a comunicação entre a Antártica e o Brasil, especialmente no que diz respeitos a alertas climáticos que possam ser previstos primeiramente no continente gelado.

Segundo o MCTIC, com a comunicação mais ágil, observações atmosféricas em tempo real podem reduzir consequências de eventos meteorológicos mais severos no Brasil.