Um manuscrito escrito por Ada Lovelace, a primeira programadora do mundo, foi leiloado por mais de US$ 125 mil, cerca de R$ 462 mil em conversão direta. Escrito em 1843, o livro compreende traduções de papéis escritos pelo matemático italiano Luigi Menabrea, reflexões de Lovelace e também notas que explicam um algoritmo revolucionário para a época.

A casa de leilão Moore Allen & Innocent afirmou que só existem seis cópias desse livro, notando que ele “é o manuscrito mais importante da história da computação digital antes dos tempos modernos”, “uma peça extremamente rara”.

“Eu gosto de pensar nela como a primeira cientista da computação”, notou Ursula Martin, professora da Universidade de Oxford e coautora de Ada Lovelace: The Making of a Computer Scientist, ao Guardian. “Ela também está pensando em ideias abstratas mais amplas do que apenas o primeiro software — ela está pensando em computação como algo que você poderia construir teorias, e ela está pensando sobre que tipo de coisas você pode computar".

adaAda Lovelace