Imagem de: Pesquisadores criam leitor de digitais que detecta temperatura do corpo

Pesquisadores criam leitor de digitais que detecta temperatura do corpo

1 min de leitura
Avatar do autor

Um grupo de pesquisadores do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Ulsan, na Coreia do Sul, está trabalhando em algo que pode indicar o futuro dos sensores biométricos que utilizamos em nossos smartphones. A equipe publicou um artigo na Nature Communications descrevendo um leitor de digitais transparente capaz de detectar a pressão e a temperatura corporal de quem o utiliza.

O grande avanço dessa novidade seria principalmente na área de segurança, já que o sensor não poderia ser enganado por alguém usando um molde de impressões digitais ou uma luva com o padrão correto impresso na ponta dos dedos. A leitura de temperatura feita por ele seria capaz de reconhecer facilmente quando a digital colocada ali não for parte de um corpo humano.

Ainda de acordo com o estudo, o novo tipo de sensor biométrico estaria dentro dos padrões de segurança exigidos pelo FBI. Outra grande vantagem é o fato de ele ser transparente, o que permite que seja facilmente colocado embaixo do visor de um aparelho, da mesma maneira que já é feita por alguns celulares chineses atuais, como o Vivo Nex e o Xiaomi Mi 8.

Infelizmente, isso ainda deve demorar alguns anos para acontecer. A pesquisa não indica um prazo para quando a tecnologia estará aprimorada e acessível o suficiente a ponto de poder ser utilizada em aparelhos vendidos comercialmente. Mas já é um bom sinal de que podemos esperar por sensores biométricos cada vez mais seguros em nossos dispositivos.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Pesquisadores criam leitor de digitais que detecta temperatura do corpo