O Natal está chegando e você já deve ter ouvido muitas vezes a tradicional canção natalina Jingle Bells. Mas a versão abaixo provavelmente não deve conhecer: é a reprodução de um execução rara, gerada por um dos primeiros computadores da história, o Ferranti Mark I, em 1951. A “música” foi transmitida em uma exibição na BBC.

Como dá para notar, ela é bem rudimentar, porque foi a primeira vez que uma máquina eletrônica — alojada no Laboratório de Máquinas de Computação de Alan Turing — apresentou melodias, criando sons para emiti-las. Na época, três faixas foram gravadas por um dos engenheiros presentes, mas as “interpretações” de Jingle Bells e Good King Wenceslas não. E como esse registro está aqui, então?

Ferranti Mark IAlan Turing, à direita, observando o Ferranti Mark I

Bem, Jack Copeland, pesquisador do pioneirismo de Turing, e o compositor Jason Long conseguiram uma cópia das três amostras sobreviventes. Com a audição desse material e a descrição do acontecimento, retirada do livro “Faster Than Thought: A symposium on digital computing machines”, eles conseguiram recriar o que o Ferranti Mark I tocou.

Dupla teve que “fabricar” vários trechos ausentes

O disco obtido por Copeland e Long somava 152 notas geradas por computador. Ao cortar trechos do áudio manualmente, a dupla criou uma paleta de vários andamentos e duração, o que permitiu rearranjar o conteúdo para criar novas melodias. “Foi como um LEGO musical: novas e infinitas estruturas poderiam ser produzidas a partir desses blocos básicos de construção”, relatam.

Jack Copeland e Jason LongJack Copeland, à esquerda, e Jason Long

Porém, as três músicas que serviram de referência não foram suficientes para fornecer todas as peças desse quebra-cabeça. “As notas ausentes tiveram que ser manufaturadas, a partir do cálculo de uma frequência próxima à qual o Ferranti poderia gerar. Mas nem sempre foi possível acertar a nota exata.”

Em seguida, foi preciso deslocar a frequência de uma das amostras da paleta para conseguir algo correspondente e natural, já que alguns testes lembravam mais uma metralhadora. Outro problema era a duração, e eles tiveram então que reduzir ou juntar pedaços. Bem, um dos resultados você já pôde ouvir logo no começo do texto. E o outro está aqui, a canção natalina Good King Wencelas, direto do túnel do tempo:

Cupons de desconto TecMundo: