Cientistas da Universidade de Rochester, em Nova York, criaram um programa de computador capaz de examinar a atividade cerebral e interpretar determinados padrões da mente humana.

Segundo a notícia do site Daily Mail, o experimento prova que o computador pode interpretar certas palavras a partir dos padrões e, então, predizer sentenças completas.

A pesquisa se mostra extremamente útil, principalmente porque, se os resultados mostrarem progresso, ela poderá ajudar pessoas que não conseguem falar, como mudos ou pessoas que tiveram casos de derrame cerebral. Até o momento, o software acertou quase 70% das frases que as pessoas estavam pensando.

Como foi feito o experimento?

Para testar o programa desenvolvido, os pesquisadores usaram imagens de ressonância magnética de 14 participantes, que deviam ler mentalmente 240 sentenças diferentes, mas muito similares. Com base nas frases e nas imagens, o programa pôde relacionar as áreas ativadas e as respectivas intensidades.

Além de composições simples, os testes também foram realizados com palavras que envolviam aspectos emocionais, permitindo ter uma compreensão melhor do funcionamento do cérebro. Finalmente, após as tantas análises, o programa criou uma base para conseguir prever os pensamentos dos participantes do experimento.

É importante notar, contudo, que esse tipo de tarefa ainda é experimental e complexo. A palavra "café", por exemplo, ativa 65 respostas com diferentes características no cérebro. O estudo ainda está em fase inicial, então não devemos ter novidades para um futuro próximo, mas há boas perspectivas para daqui a alguns anos.

Cupons de desconto TecMundo: