Engenheiros de Harvard acabaram de demonstrar uma nova estrutura muito versátil para o mundo da ciência. Trata-se de um novo metamaterial que pode ser amassado, achatado e torcido sem qualquer problema, pois suas partes permitem a rápida acomodação em diversas formas, além de uma rápida recuperação da forma original.

Este novo metamaterial é composto por vários cubos abertos e criados com folhas de polímeros, que são encaixados e movidos de acordo com as necessidades. Para não demandar interferência manual, existe um controle ativo que infla pequenos bolsos de ar espalhados pelas estruturas — modificando formato, volume e rigidez dos objetos construídos.

De acordo com os cientistas — liderados por Johannes T. B. Overvelde e Katia Bertoldi —, esta técnica pode ser aplicada em diferentes materiais e escalas. Eles afirmam que, no futuro, será possível usar os metamateriais para construir móveis dobráveis, abrigos expansíveis (como barracas ou moradias provisórias), estruturas espaciais e sistemas nanotecnológicas, tudo isso com flexibilidade e resistência.

Estrutura flexível

Eles ainda afirmam que tudo isso foi inspirado em Snapology, um tipo de origami modular que é capaz de recuperar sua forma depois de ser dobrado e armazenado. Ainda não há previsão de quando teremos tecnologias como esta no mercado, mas as expectativas são altas. 

Cupons de desconto TecMundo: