Meses depois do lançamento da segunda versão do Chromecast no exterior, a Google finalmente trouxe o aparelho – e também a sua variante voltada para conteúdos de áudio – para o Brasil. O anúncio foi realizado nesta terça-feira (26) em um evento na sede da Gigante das Buscas em São Paulo, e o TecMundo esteve presente para conferir os preços e outras novidades sobre os dispositivos.

Tanto a segunda versão do aparelho para vídeos quanto o primeiro Chromecast Audio chegam ao solo tupiniquim por R$ 399 cada – mais do que o dobro do valor da variante mais antiga, lançada em 2014. Considerando que o preço das novidades nos EUA é de US$ 35 (R$ 125, em conversão direta) e que ele pode ser encontrado por valores entre R$ 165 e R$ 200 na internet, o número oficial revelado pela Google certamente serve como um balde de água fria.

Vice-presidente da Google e um dos criadores do Chromecast, Mario Queiroz deu exemplos de apps que já são compatíveis com o aparelho

Questionado a respeito do custo relativamente elevado, Mario Queiroz – vice-presidente da empresa de Mountain View e um dos criadores do Chromecast – afirmou que esse é o menor valor ao qual a empresa pode chegar e que, quando comparado aos preços dos principais competidores, “é bastante acessível”. Sobre os motivos que levaram ao número atual, o executivo citou a atual cotação do dólar e os custos de importação para o Brasil.

Novidades por fora e por dentro

Além da visível mudança no design do Chromecast, que abandona o formato similar ao de um pendrive para adotar o de um disco conectado por meio de um cabo HDMI flexível, a nova versão do aparelho tem também novidades em seu hardware e software. Graças às suas três antenas internas, por exemplo, o dispositivo se conecta diretamente à sua rede WiFi por meio de uma conexão dual-band, diminuindo interferências de outros gadgets domésticos.

Já no lado do software, o aplicativo oficial da Gigante das Buscas para o aparelho, chamado Google Cast, também traz algumas novidades interessantes. Na aba “O que” do app, é possível ver sugestões de conteúdos interessantes dentro dos programas compatíveis com o Chromecast que já estão instalados no seu celular Android ou iOS e no seu PC. Já em outra divisão do software, você pode conferir sugestões de outros serviços que também podem ser “projetados” pelo aparelho.

O Chromecast Audio promete "deixar qualquer caixa de som mais inteligente"

Com um design extremamente similar, o Chromecast Audio leva a mesma proposta de facilitação de streaming para a reprodução de conteúdo sonoro em qualquer caixa de som que tenha uma entrada de fone de ouvido de 3,5 mm, um conetor RCA ou uma porta óptica. Além de fazer com que os alto-falantes “fiquem mais inteligentes” e reproduzam músicas de outros dispositivos, é possível sincronizar vários dos aparelhos da Google para criar uma experiência de reprodução simultânea em múltiplas salas da sua casa.

“Efeito Chromecast”

Hoje, o Brasil já se encontra no “top 3” de países com a maior quantidade de vendas e tempo de uso do Chromecast, o que faz com que o nosso país seja um mercado de grande importância para a Google. Segundo a empresa, a adoção do aparelho serve como um incentivo para que os produtores nacionais de conteúdo invistam em produções de melhor qualidade para reprodução em TVs de alta resolução, o que aumentaria consideravelmente seu público – fenômeno que a companhia chama de “efeito Chromecast”.

Um dos exemplos apresentados pela Gigante das Buscas foi o canal FitDance do YouTube, que se especializa em vídeos que ensinam coreografias de músicas populares e hoje já conta com mais de 1 milhão de visualizações por dia. Segundo os representantes dos criadores desse conteúdo, os usuários que veem seus conteúdos pelo Chromecast assistem em média 1 minuto a mais de suas gravações e também acessam uma quantidade maior de vídeos.

Outra empresa brasileira que entrou na onda da compatibilidade com o aparelho da Google foi a BodyTech, com seu aplicativo BTFIT. Além de um algoritmo de “personal trainer” feito para criar séries de exercícios de acordo com a necessidade dos usuários, o app gratuito oferece 4 novas aulas coletivas por dia com exercícios nos temas Abdominal, Mat Pilates, Dança e 20 minute Workout, cada um com atividades que tomam entre 15 e 25 minutos. Todo o conteúdo pode ser “projetado” em uma TV com o Chromecast, facilitando sua utilização.

Já disponíveis

Tanto o novo Chromecast para vídeos quanto a sua versão Audio já estão disponíveis em varejistas físicos e online a partir desta terça-feira (26), custando R$ 399 cada. Com a chegada da novidade, a Google não vai mais fabricar a variante mais antiga do dispositivo. No entanto, a empresa garante que os donos do aparelho de primeira geração continuarão recebendo atualizações, melhorias e outras adições de software.

O que você achou do preço oficial do novo Chromecast e de sua versão Audio no Brasil? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: