Durante a CES 2015, a Alcatel apresentou uma novidade que será responsável pela entrada da marca no mercado dos smartwatches. Trata-se do WATCH, um relógio inteligente com tela circular de 1,22’’ e várias opções de acabamento. Ele começa a ser vendido em março na Amazon norte-americana por US$ 150.

Fora o preço atraente, o aparelho tem outro chamariz interessante: será possível utilizá-lo com dispositivos Android 4.3 ou superior e iOS 7 ou superior.  Dessa forma, você elimina as barreiras de compatibilidade do Android Wear e do Apple Watch.

O WATCH tem uma tela circular, mas traz um corte no fundo um pouco maior do que o encontrado no Moto 360 da Motorola. Como ele não roda Android Wear, a interface é única para esse modelo. Mesmo assim, ela não é muito bem adaptada para tela circulares.

Possibilidades

No campo das funções, o aparelho consegue fazer várias coisas quando ligado a um smartphone via Bluetooth 4.0. Dá para ler notificações, controlar a câmera do celular, interagir com alguns apps pré-carregados, controlar música, vídeos e outros. Ele ainda vibra no seu pulso quando você se distancia do seu smartphone, evitando esquecer o aparelho em qualquer lugar. Há ainda uma central de fitness para ficar de olho nos seus exercícios do dia a dia.

Bateria

Em comparação com o Android Wear, o SO da Alcatel parece bem mais básico, mas isso ajuda a economizar bateria. Esse componente do WATCH tem praticamente a mesma capacidade de carga dos concorrentes e, mesmo assim, consegue manter o aparelho funcionando por períodos de 2 a 5 dias. Isso segundo a própria Alcatel.

Além do mais, esse relógio tem uma forma muito interessante de carregar sua bateria. O fim da pulseira tem um plugue USB de tamanho padrão que pode ser conectado a qualquer computador. Com isso, você não precisa levar carreadores para lugar algum. A fabricante diz ainda que ele fica completamente carreado em 1 hora.

Especificações

  • Espessura da caixa do relógio: 10,5 mm
  • Diâmetro: 41,8 mm
  • Tela: 1,22’’
  • Conectividade: Bluetooth 4.0 e NFC
  • Processador: SMT429
  • Bateria: 210 mAh
  • Sensores: acelerômetro, giroscópio, altímetro, medidor de batimentos cardíacos, bússola eletrônica e medidor de vibração motora

O aparelho é resistente à poeira e água e poderá ser adquirido em várias combinações de cores e materiais. Até o momento, não há informações sobre a possível vinda dele ao Brasil ou qualquer expectativa de preço para relógio por aqui. Ainda assim, como nos EUA o dispositivo custará apenas US$ 150, no Brasil ele deve ser mais barato que o Moto 360.

Cupons de desconto TecMundo: