Testamos o Droid RAZR MAXX, smartphone que promete 21 horas de bateria [vídeo]

1 min de leitura
Imagem de: Testamos o Droid RAZR MAXX, smartphone que promete 21 horas de bateria [vídeo]
Avatar do autor

O grande ponto fraco dos smartphones hoje é a bateria. Bastam algumas horas navegando na internet ou assistindo a vídeos para que o gadget clame por uma tomada. Pensando nisso, a Motorola anunciou o Droid RAZR MAXX, uma versão diferenciada do Droid RAZR, lançado há alguns meses, que conta com uma bateria de 3.300 mAh (contra 1.780 mAh do modelo anterior). Isso significa até 21,5 horas de conversa ou 15 dias em stand by.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Mas, como nem tudo é perfeito, a bateria de maior capacidade implica um corpo mais grosso. Se o RAZR tem 7,1 mm de espessura, o MAXX precisou de 8,9 mm para abrigar a carga extra. Na prática, a mudança é imperceptível. O RAZR MAXX continua sendo leve, fino e poderoso — as especificações de hardware, à parte da bateria, continuam as mesmas.

Em termos de navegação e uso, o MAXX não traz grandes novidades, mantendo a já conhecida linha de qualidade dos smartphones da Motorola. Infelizmente, o hands on na feira não é suficiente para descobrirmos se as 21,5 horas de bateria prometidas são reais. Por enquanto, confiemos na Motorola.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Testamos o Droid RAZR MAXX, smartphone que promete 21 horas de bateria [vídeo]