O RePhone é um dos primeiros smartphones modular do mundo, e o projeto acaba de entrar no Kickstarter. O conceito foi criado pela empresa Seed e promete ser uma ótima alternativa para celulares baratos ou personalizados.

Na teoria, o aparelho seria o equivalente do Arduino para o universo mobile, possibilitando diversos projetos portáteis com uma tecnologia pequena e com conexões móveis. Os grandes destaques do RePhone são os seus componentes compactos, que permitem que os usuários – ou fabricantes – desenvolvam cases extremamente customizados e diferentes dos atuais modelos.

O smartphone em si é apenas uma placa com suporte a um cartão SIM e Bluetooth. Dessa maneira, qualquer objeto pode virar um celular: coleira de cachorro, bicicletas, plantas e qualquer outra coisa que tenha o tamanho da minúscula peça de hardware. Caso você queira implementá-lo com módulos de câmera, áudio, touchscreen, NFC e muitos outros componentes, basta conectá-los com um cabo flat simples.

Integração com o IFTTT cria inúmeras possibilidades

Você conhece o IFTTT? Ele é um site que permite que o usuário programe ações e reações para situações. Por exemplo: sempre que o tempo esquentar, você recebe um SMS. Há diversas combinações que, com um hardware modular e pequeno como o do RePhone, podem se tornar ainda mais interessantes.

Ao colocar o smartphone modular com um sistema de GPS na sua bicicleta, é possível receber notificações – seja por mensagens ou ligações – caso ela seja roubada. Outro ponto importante é a tecnologia plug and play, que facilita a conexão com os demais componentes de uma maneira muito simples. Em outras palavras, é um grande avanço para a internet das coisas.

O equipamento pode ser programado em C/C++, Lua e Javascript, além de suportar as bibliotecas da IDE do Arduino e oferecer uma interface de soltar e arrastar para pessoas que não tenham conhecimento de linguagens de computador.

O kit básico custa US$ 12 (R$ 50) e vem apenas com a placa principal com GSM, mas há uma versão completa – que combina todos os equipamentos – pelo valor de US$ 39 (R$ 160). Você pode conferir todos os detalhes do projeto na página do Kickstarter.

O que você acha da ideia de um smartphone modular? Diria que é o futuro dos celulares? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: