O TecMundo traz com certa frequência algumas listas com smartphones luxuosos que custam dezenas de milhares de dólares. Claro que não imaginamos ninguém realmente gastando pequenas fortunas com esse tipo de coisa, mas é realmente curioso conferir algumas características desses aparelhos. Uma das novidades mais interessantes nesse ramo é o “Hanmac New Defency”.

Trata-se de um dispositivo de uma marca francesa que vende seus aparelhos apenas na China e tem uma linguagem de design que cairia muito bem no século XIX ou até mesmo antes disso. Esse aparelho em questão, o top de linha da empresa chamado “New Defency”, tem uma carcaça inspirada em máquinas a vapor, especialmente locomotivas antigas e outas do gênero.

A marca tenta vender o aparelho como algo extremamente exclusivo e, por isso, os materiais com os quais ele é feito são muito resistentes e incomuns em smartphones. O corpo é majoritariamente feito em metal gravado com várias ranhuras profundas. Os acabamentos são feitos em cerâmica e borracha hospitalar.

Mas é só nessas características, e no preço, que ele impressiona. O processador é um MediaTek 6589 quad-core de 1,2 GHz acompanhado de 2 GB de RAM e 64 GB de armazenamento nativo. A câmera traseira tem 13 MP e a tela mede só 3,5’’(480x800 – 266 PPI). Como sistema operacional, o aparelho roda o Android 4.2 mesmo sendo um lançamento.

A fabricante garante que monta o modelo de forma artesanal e permite que o comprador encomende dispositivos com ranhuras e outras características personalizadas. O preço básico é de US$ 3.100 (R$ 8.467). Será que vale a pena?

Cupons de desconto TecMundo: