Desde o começo do ano, a empresa chinesa OnePlus ganhou notoriedade ao anunciar uma parceria com responsáveis pelo CyanogenMod, o MOD mais popular para o Android, no desenvolvimento do smartphone OnePlus One.

No início dessa semana, a companhia revelou uma ambiciosa campanha de marketing batizada de “Smash the Past”, ou “Esmague o Passado” em uma tradução direta. O vídeo promocional você assiste acima. Basicamente, a promoção funciona assim: você cria uma forma inusitada e inovadora de destruir o seu celular, grava um vídeo do acontecido e em troca pode adquirir uma unidade do novo modelo da marca por US$ 1.

Contudo, algumas pessoas parecem não ter lido muito bem as regras da campanha no site oficial da empresa e saíram destruindo seus gadgets. Porém, a promoção tem determinadas restrições. A primeira delas é que a oferta é para apenas 100 pessoas, as quais serão escolhidas a partir do cadastro de participação disponível na página da iniciativa publicitária.

O segundo ponto que deveria ter sido observado é a limitação geográfica, sendo que apenas habitantes de países específicos podem concorrer: Áustria, Bélgica, Canadá, Dinamarca, Finlândia, França, Alemanha, China, Itália, Holanda, Portugal, Espanha, Suécia, Taiwan, Reino Unido e EUA.

Por fim, não é qualquer celular que o participante tem que destroçar para comprar um OnePlus One por US$ 1. Na lista de aparelhos exibida na hora do cadastro, estão iPhone 5, 5S ou 5C; HTC One; LG G Flex, G2 ou Nexus 5; Galaxy S3, S4 ou S5; Xperia Z2, Z1 ou Z Ultra; Lumia 920, 1020 ou 1050; Motorola Moto X; entre outros modelos intermediários e premium.

Um dos “adiantadinhos”, foi Adam Outler, que possui um quadro chamado “Will It Crowbar?” em seu canal no YouTube no qual ele quebra várias coisas diferentes. Na gravação dele para o “Smash the Past”, o rapaz acertou um iPhone 5, um Galaxy S3, um Galaxy S2 e um Galaxy S1 com um pé-de-cabra.

O problema é que quando ele postou a filmagem, a campanha sequer estava no ar. Portanto, Outler deve estar torcendo para ser escolhido e não ter estraçalhado seus aparelhos em vão. Confira a proza dele no vídeo acima.

Cupons de desconto TecMundo: