Você já deve saber que dentro do seu smartphone existe ouro, não é mesmo? Na verdade, boa parte dos eletrônicos possui alguma quantidade do metal em suas ligas — frações de grama são usadas em circuitos impressos. Pois é... Se imaginarmos todos os dispositivos que foram jogados fora no último ano, há muito mais ouro do que a grande maioria das pessoas imagina.

E o valor disso tudo pode ser muito alto. Imagine que, na cotação do dia 10 de outubro de 2016, o grama do ouro está valendo R$ 129,50. Você consegue imaginar o quanto de dinheiro está sendo jogado fora junto com os aparelhos antigos?

É claro que o ouro de um aparelho não é o bastante para fazer com que você reproduza uma taça Jules Rimet na sua casa, mas em larga escala isso desperta o interesse dos recicladores de eletrônicos — pois os ganhos podem cobrir facilmente os custos de extrair o metal dos aparelhos.

Ficou curioso? Pois hoje nós trouxemos algumas informações bem legais que mostram um pouco mais sobre o quanto de ouro existe neste mercado. Afinal de contas... Quantos smartphones precisariam ser desmontados para a extração de 1 kg de ouro? E quanto dinheiro isso envolve? 

O ouro que carregamos

De acordo com um estudo realizado pela União Europeia, hoje é possível extrair 1 grama de ouro com a reciclagem de 41 smartphones. Outro estudo conduzido pela companhia Umicore mostra um valor ainda mais impressionante: seriam necessários apenas 35 aparelhos para a extração de 1 grama do metal precioso.

Para manter os valores perto de uma margem de erro adotada por ambos, usaremos o valor médio dos dois estudos, considerando que precisaríamos de 38 celulares para a extração do valor já mencionado — e imaginando que não existam perdas durante os processos. Com isso, é só fazer uma conta rápida para chegarmos à quantidade de ouro dentro de um único dispositivo.

Logo, chegamos à conclusão de que um celular possui 0,026 grama de ouro, ou 26 miligramas. Se considerarmos que 1 grama custa R$ 129,50, então chegamos à conclusão de que os 26 miligramas de ouro de um celular podem valer a quantia de... R$ 3,36.

Acho que não vale a pena estragar um celular para extrair isso, não é mesmo?

E para fazer 1 kg?

Depois de fazer o cálculo para saber quanto de ouro existe em um celular, podemos fazer rapidamente a conta para chegar à quantidade de celulares necessários para a extração de 1 kg de ouro — neste artigo, estamos usando bastante a conhecida e saudosa “regra de 3”, porque ela é tudo de que precisamos para encontrar os valores desejados.

Com isso, chegamos ao número de 38.461 aparelhos. Pois é... Estamos falando de mais de 38 mil celulares para que 1 kg de ouro possa ser extraído. Assim, chegaríamos a uma quantidade de ouro que poderia ser vendida por R$ 129,5 mil. Como já dissemos, cada celular teria um impacto de R$ 3,36 na conta total.

Mas vale a pena por tão pouco?

É claro que a gente não vai conseguir fazer 1 kg de ouro depois de extrair o metal manualmente de 38  mil smartphones. Mas empresas especializadas em reciclagem de lixo eletrônico podem fazer disso um negócio muito rentável. Para começar, não é apenas o ouro que consegue ser reciclado, uma vez que níquel, prata, cobre, arsênio e chumbo (entre outros) também são extraídos.

Mais do que isso, a quantidade de silício também chama atenção dos responsáveis por esses projetos — hoje, há fortes investimentos em silício reciclado para a fabricação de painéis solares, por exemplo. Além disso tudo, existe um fato bem mais complicado: os metais usados na tecnologia estão se tornando cada vez mais escassos.

Não há apenas ouro nos aparelhos, mas também níquel, prata, cobre, arsênio e chumbo, entre outros materiais

Hoje, já existe a demanda por encontrar novas tecnologias que substituam os metais tradicionais na fabricação de eletrônicos — e não apenas nos de uso pessoal, mas também em itens médicos e vários equipamentos profissionais, por exemplo. Em longo prazo, essa escassez pode significar um aumento nos preços, e poucos querem isso, não é mesmo?

Por esse motivo, a resposta para a pergunta que está lá em cima é “Sim”... Vale a pena investir em reciclagem de lixo eletrônico! E vale também ficar atento aos seus aparelhos antigos: em vez de jogá-los no lixo, sempre encaminhe os dispositivos a locais de reciclagem específica.

.......

Você imaginava que eram necessários tantos celulares para fazer 1 kg de ouro? E já tinha pensando no quanto é importante reciclar eletrônicos?

Cupons de desconto TecMundo: