Na última terça-feira (21), nós noticiamos que um grupo de pesquisadores havia descoberto uma falha grave que afetava milhares de automóveis da Fiat Chrysler. Segundo os hackers, os carros podem ter vários componentes controlados remotamente, como os freios e o motor, por exemplo.

Como é de se esperar, a fabricante ficou bastante preocupada com a repercussão do caso e rapidamente disponibilizou uma atualização de software para corrigir o problema. Contudo, como o update só pode ser instalado via USB, a Fiat Chrysler decidiu tomar medidas mais agressivas para garantir a segurança de seus consumidores e acionou um recall.

No total, estima-se que mais de 1,4 milhão de veículos tenham sido cadastrados no programa de recall. Confira abaixo a lista completa de modelos afetados:

  • 2013-2015 MY Dodge Viper
  • 2013-2015 Ram 1500, 2500 e pickups 3500
  • 2013-2015 Ram 3500, 4500, 5500 Chassis Cabs
  • 2014-2015 Jeep Grand Cherokee e Cherokee SUVs
  • 2014-2015 Dodge Durango SUVs
  • 2015 MY Chrysler 200, Chrysler 300 e Dodge Charger sedã
  • 2015 Dodge Challenger sports coupes