Os carros híbridos ainda não conquistaram boa parte dos consumidores, mas os conceitos para o futuro parecem dispostos a tomar o lugar dos demais veículos. O XC60, por exemplo, é a grande aposta da Volvo no desenvolvimento de um automóvel não só sustentável, mas tão potente quanto os movidos a gasolina ou etanol.

O carro conta com um compartimento para gasolina e uma série de baterias elétricas que são recarregáveis do mesmo modo que um gadget, a partir de uma tomada. Se você está em um dia ecológico, basta selecionar a opção “Pure” no painel do veículo para que ele rode apenas a partir das baterias. É possível utilizar também apenas a gasolina ou os dois juntos: com tanque cheio e eletricidade ao máximo, o motorista pode percorrer mais de 960 km sem precisar abastecer.

A mistura entre essas formas de energia é o que mais deve atrair os consumidores, já que ela proporciona uma potência extra ao XC60, que atinge os 350 CV, fora uma aceleração de 0 a 100 km/h em 5,8 segundos – segundo a Volvo, superior a qualquer outra criação no mercado de híbridos. O conceito deve demorar para sair do papel, mas um protótipo pode ser apresentado no Detroit Motor Show, que ocorre este mês.