O lendário estúdio italiano de design Pininfarina chamou muita atenção na edição 2017 do Salão de Genebra, graças à apresentação do EF7, seu esportivo inspirado e desenvolvido em parceria com o piloto brasileiro e bicampeão de Fórmula 1, Emerson Fittipaldi.

No entanto, nem só de velocidade e esportividade vive a empresa e, sendo assim, ela também levou o conceito de sedã híbrido H600. O carro foi feito em parceria com a Hybrid Kinetic Group, uma fabricante de veículos elétricos de Hong Kong.

Foto: Drew Phillips (Autoblog)

O carrão é um híbrido que conta com uma unidade motriz gerando mais de 800 cavalos de potência, sendo que a parte elétrica é alimentada por baterias e por um gerador com “microturbinas” – algo de que falamos a respeito por aqui há pouquíssimo tempo.

Ainda assim, a Pininfarina não detalhou muito sobre o funcionamento desses motores, apenas afirmou que o veículo é capaz de fazer de 0 a 100 km/h em 2,9 segundos e pode atingir a velocidade máxima de 250 km/h. A autonomia fica na casa dos 1.000 quilômetros, mas vale reforçar que estamos falando de um conceito.

Foto: Drew Phillips (Autoblog)

É fato que, por fora, o carro não é tão inovador assim: todo o design do H600, especialmente a dianteira, remete muito aos modelos da também italiana Maserati, que, ironicamente, teve alguns de seus modelos recentes desenhados pela Pininfarina.

Na parte de dentro, como é de se esperar, há muito luxo, couro e acabamentos em madeira, com um espaço interno considerável graças à ausência do túnel de transmissão e do escape. Tem até uma iluminação turquesa, que dá um toque mais “lounge futurista” ao interior do sedã.

O painel de instrumentos é totalmente digital e se estende também para o passageiro da frente. Há um display touchscreen enorme no console central para a parte de infoentretenimento, e os passageiros de trás também têm suas próprias telas.

Não há qualquer informação sobre quando e até mesmo se o H600 vai ser produzido, mas a parceria entre a Pininfarina e a Hybrid Kinetic está prevista para durar 46 meses.