Os smartphones estão dominando o mundo, mas longe de acabar com o mercado de câmera fotográficas, que seguem firmes numa concorrência sadia e, ao mesmo tempo, acirrada. A Nikon anunciou a D500 DSLR recentemente, um modelo que se encaixa nas mãos de profissionais e também atinge os mais casuais. A Canon também quer equilibrar essas características com a EOS 80D, voltada a amadores e semiprofissionais.

A nova câmera, que substitui a 70D, que é de 2013, tem sensor APS-C CMOS de 24.2 MP com processador DIGIC 6, autofoco de 45 pontos (mais um sistema dual-pixel), 7 fps e um alcance ISO nativo de até 16 mil (25,600 e 52 mil em modos mais potentes).

Assim como nas últimas câmeras da Canon, a EOS 80D vem com NFC e WiFi, permitindo que você facilmente transfira imagens por meio do app Camera Connect, disponível para iOS e Android. Na parte de trás se encontra uma telinha LCD de 3 polegadas, entrada para fone P2 (3,5 mm), aspectos que tornam ótima uma gravação em 1080p e 60 fps. Outro detalhe interessante é que o aparelho utiliza o mesmo tipo de bateria que seu predecessor.

A Canon planeja lançar a EOS 80D em abril por US$ 1.200, um preço razoavelmente baixo considerando a média do mercado e as especificações que a câmera fotográfica tem. Alguns acessórios também serão lançados num momento posterior: um adaptador Power Zoom (compatível com novas lentes EF-S) e um microfone direcional estéreo, ambos voltados a quem pretende produzir vídeos. Os preços desses acessórios serão de, respectivamente, US$ 120 e US$ 250.

O que você achou da EOS 80D, a nova câmera semiprofissional da Canon? Comente no Fórum do TecMundo.

Cupons de desconto TecMundo: