(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo

Provavelmente, nós só veremos o Nokia Lumia 800 nas lojas brasileiras no final de março (sendo um dos primeiros Windows Phone 7 Mango do país). Mas não é por isso que teremos de esperar até lá para saber se vale a pena apostar no sistema operacional da Microsoft. O Tecmundo está na Campus Party Brasil 2012 e conseguiu acesso ao aparelho, que está sendo mostrado para desenvolvedores do Windows Phone.

É difícil não se impressionar com a leveza do gadget, que consegue aliar uma tela de 3,7 polegadas AMOLED (com boa definição e excelente brilho) a um design bonito, que condiz com o que se espera de um aparelho Full Touch. Vale dizer também que a tela é capacitiva e possui um tempo de resposta excelente, não deixando nada a desejar em relação à IPS da Apple.

O único momento em que a tela pode ser um incômodo é quando a câmera está acionada, pois em ambientes escuros fica um pouco difícil definir os itens que estão sendo fotografados (o que é suprido pelo Flash, no momento da captura). Ainda em relação à câmera, o usuário pode focalizar as imagens com apenas um toque sobre os elementos principais que deseja captar.

(Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Uma parceria entre Nokia e Microsoft pode ser vista no sistema de navegação do Lumia 800. Em vez de utilizar o Bing Maps, como era de se esperar, o aparelho traz o Nokia Maps (uma evolução do Ovi, que está tendo as nomenclaturas alteradas aos poucos). Infelizmente, não conseguimos testar a precisão do GPS integrado ao smartphone.

Outro item que gostaríamos de ter testado, mas não foi possível devido ao fato de a Campus Party só oferecer conexões a cabo para os participantes, é o navegador Internet Explorer. Por outro lado, conseguimos conhecer um pouco mais do funcionamento do Zune em telas AMOLED e tivemos uma boa surpresa. O player multimídia está bem leve e intuitivo.

Voltando a falar do aparelho Nokia Lumia 800, não podemos deixar de lado a construção dele. Com um ótimo encaixe nas mãos, conseguido graças ao design curvado, ele parece bastante resistente e passa segurança para os usuários. Mas ainda há algumas dúvidas que ficam acerca do Lumia 800.

Mesmo utilizando um processador single-core (Qualcomm de 1.400 MHz), pelo menos quando o aparelho está com poucos aplicativos instalados e dados armazenados, o desempenho dele é muito satisfatório. Mas será que o mesmo será dito após algum tempo de utilização? Todos esperam que sim.

(Fonte das imagens: Baixaki/Tecmundo)

Agora, precisamos esperar por mais algum tempo até que os smartphones da Nokia possam ser encontrados nas lojas brasileiras. Pelo menos pelas primeiras impressões, parecem ser dispositivos muito bons, mas é sempre importante esperar pela divulgação dos preços oficiais para saber se realmente vale a pena comprá-los.

Quando perguntamos à assessoria de imprensa da Nokia qual era a previsão dos preços cobrados pelo Lumia 710, Lumia 800 e Lumia 900, tivemos uma surpresa. Ainda não se sabe os valores de nenhum deles, mas o pior mesmo é saber que o Lumia 900 (que testamos durante a CES 2012) ainda não está confirmado para o mercado brasileiro.

Nokia Lumia 800

  • Processador: Qualcomm single-core de 1.400 MHz;
  • Memória RAM: 512 MB;
  • Memória de armazenamento: 16 GB de memória interna (sem possibilidade de expansão);
  • Tela: AMOLED 3,7 polegadas;
  • Conectividade: 3G, Wi-Fi, USB e Bluetooth.

Cupons de desconto TecMundo: