(Fonte da imagem: Reprodução/Adrenaline)

No dia 23 de abril nossa presidente Dilma Rousseff vai anunciar a “versão mundial” do Marco Civil. O projeto, segundo o site Link do Estadão, será mostrado durante o evento NETmundial, que deve trazer diversos representantes de vários países.

A grande pergunta que isso traz, sem dúvida, é uma só: será que algo assim terá sucesso? É pouco provável, se considerarmos algo igual ao Marco Civil. “A chance de criarmos uma legislação única para a internet é pequena”, admite Demi Getschko, conselheiro do Comitê Gestor da internet. Por tal motivo, todavia, o governo pretende trazer uma versão mais simples do documento que descreve os princípios do uso da internet no Brasil.

O famoso caso da NSA, por sua vez, deve ajudar muito a impulsionar a aceitação do projeto pelo mundo – de fato, o escândalo causado pela agência de espionagem teria sido a principal base para a criação de algo assim. A ideia, com isso, é propor a abertura de órgãos de registro como o americano ICANN.

Resta agora esperar para descobrir como os governos reagirão a isso. Mas um ponto é certo: uma vez que essa é a primeira grande reunião internacional após as ações de Edward Snowden, a privacidade na internet deve ser levada com extrema importância pelos representantes durante o evento.

Cupons de desconto TecMundo: