Mike Lazaridis pode voltar ao comando. (Fonte da imagem: Reprodução/Forbes)

Nesta semana, relatos sugeriram que a BlackBerry pode não ser vendida para um único dono, mas para conglomerados que passariam a gerenciar a empresa. Porém, a história pode ter um final diferente: dois dos cofundadores da companhia podem voltar ao antigo lar e tentar afastá-lo da má fase.

Os executivos Mike Lazaridis e Douglas Fregin confirmaram por meio de uma publicação oficial a uma comissão industrial dos EUA que ambos estudam a aquisição da BlackBerry. Juntos, eles possuem 8% da companhia e estariam dispostos a adquirir a maioria das ações restantes, seja por conta própria ou por meio de investidores interessados.

A dupla até já contratou firmas como a Goldman Sachs para avaliar todas as opções. Fora os dois, a Fairfax Financial Holdings pode comprar a empresa por US$ 4,7 bilhões.

Mike Lazaridis ajudou a fundar a empresa e foi CEO por alguns anos. Ele é tido como um dos "gênios" do lugar, mas também como um dos responsáveis pelo atraso da companhia na indústria – e por preferir teclados anexos ao touchscreen. Já Fregin era vice-presidente de operações, mas deixou o cargo em 2007.

Cupons de desconto TecMundo: