(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

Embora ainda se encontre soterrada por processos, a desgraça financeira da japonesa Mt. Gox diminuiu consideravelmente no último dia 7. A empresa de câmbio afirma ter encontrado 200 mil Bitcoins dadas como perdidas — cujo valor, de acordo com a cotação atual, é de US$ 116 milhões.

O conteúdo foi encontrado em uma antiga carteira digital de 2011. “A Mt. Gox possuía certas carteiras de formatos antigos que eram utilizadas no passado e que, nós acreditávamos, não continham mais nenhuma Bitcoin”, afirmou o CEO da empresa, Mark Karpeles, em informe oficial.

De acordo com Karpeles, a Mt. Gox alocou as Bitcoins encontrados para carteiras offline nos dias 14 e 15 de março, por questões de segurança, sendo posteriormente remanejadas para uma carteira online.

Um rombo um pouco menor

(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

A Mt. Gox foi à bancarrota em fevereiro deste ano, após ver 850 mil de suas Bitcoins sumirem diante da ação de hackers — sendo 750 mil de clientes e 100 mil da própria empresa. O montante equivale a 7% do total da moeda digital atualmente em circulação.

Após a carteira obsoleta ter sido encontrada, o rombo decresceu para 650 mil Bitcoins — gerando, talvez, alguma esperança para a enorme quantidade de clientes que assistiram ao seu dinheiro virtual ser tragado pelo vácuo do dia para a noite. A Mt. Gox deve continuar a varredura em suas carteiras virtuais antigas,

A companhia ganhou recentemente a proteção de um processo de falência nos EUA, enquanto que, no Japão, o processo se mantém nos tribunais.

Cupons de desconto TecMundo: