A Google já havia anunciado este tipo de mudança faz algumas semanas. Agora, quem vai favorecer em seu ranking de buscas os sites amigáveis a dispositivos móveis é o Bing, segundo anúncio da Microsoft.

Isso acontece porque as buscas vindas de aparelhos móveis têm crescido exponencialmente, então eles precisam de sites que carreguem rapidamente e sejam corretamente apresentados nas telas menores. A Microsoft também percebeu que os usuários preferem os sites marcados como "mobile-friendly".

O algoritmo que vai classificar os sites no Bing utiliza quatro pontos determinantes:

  • Navegação: menus, botões e links bem espaçados para ajudar a navegação por toque
  • Leitura: o texto deve ajudar a leitura sem a necessidade do zoom ou rolamento lateral
  • Rolamento: o conteúdo deve caber na tela do dispositivo. O rolamento vertical é aceitável. Sites bem desenvolvidos se encaixam bem tanto em modo retrato quanto em modo paisagem.
  • Compatibilidade: o conteúdo precisa ser compatível com o gadget, como os plugins para vídeos e decisões de distribuição.

Cupons de desconto TecMundo: