(Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail)

Um professor da Universidade de Colúmbia (Estados Unidos) criou um projeto para acabar com os mosquitos da malária. Trata-se de uma utilização para raios laser capaz de evitar que qualquer espécie de mosquito (em especial, o que transmite a malária) ultrapasse as barreiras. Szabolcs Márka, o responsável pelo projeto, ganhou um apoio bastante especial para seguir com as pesquisas.

Ninguém menos do que Bill Gates (ex-CEO da Microsoft e fundador da Gates Fundation) está apostando nas pesquisas. Ele investiu 1 milhão de dólares para que o sistema pudesse ser testado. Depois de alguns ajustes, o sistema de lasers de Márka conseguiu ótimos resultados, criando barreiras contra qualquer tipo de inseto.

A fundação de Bill e Melinda Gates (esposa do fundador da Microsoft) dedica boa parte de seus esforços para erradicar a malária na África, e esse tipo de tecnologia pode colaborar para que a população africana pare de sofrer com uma das doenças que ainda assolam o planeta Terra.

Cupons de desconto TecMundo: