(Fonte da imagem: Reprodução / White House)

Ciberterrorismo é algo que virou realidade nos dias de hoje e espera-se que governos e grandes empresas estejam preparados para qualquer tipo de invasão. Mesmo assim, é sempre preocupante quando acontece um ataque em um alvo de grande porte.

Foi o que aconteceu recentemente, segundo o jornal conservador Washington Free Beacon. O periódico publicou que os sistemas da Casa Branca foram atacados por hackers, que visavam invadir o escritório responsável por códigos nucleares do governo dos Estados Unidos. O jornal foi mais longe e atribuiu o ataque a hackers chineses, devido aos servidores que foram utilizados na tentativa de invasão estarem localizados na China.

A Casa Branca respondeu à notícia diminuindo a importância do ataque, informando que esse tipo de tentativa de invasão não é incomum. O comunicado explicou que o ataque feito foi do tipo “spearfishing”, em que um link é enviado e, quando acessado, dá passagem a conteúdo malicioso.

O ataque reportado pelo Washington Free Beacon teria acontecido mais de um mês atrás e não chegou nem perto de informações confidenciais do governo americano.

Fonte: Estadão e Washington Free Beacon

Cupons de desconto TecMundo: