Será que os hackers Black Hat estariam dispostos a defender os EUA? (Fonte da imagem: SlashGear)

O mundo está ficando cada vez mais conectado e, obviamente, isso traz alguns problemas de segurança, que expõem nações e governos a ameaças puramente virtuais mas muito perigosas. Por isso, durante sua apresentação na conferência hacker Black Hat que aconteceu hoje (25), em Las Vegas, o ex-agente do FBI Shawn Henry convocou os participantes do evento a se unir frente a ataques cibernéticos que possam causar algum mal aos Estados Unidos.

Para justificar sua convocação, Henry disse que considera o ataque a redes a maior ameaça que os EUA poderiam enfrentar como sociedade. Para uma plateia de 6,5 mil pessoas, o ex-agente também disse que o governo americano precisa de “guerreiros” para barrar ciberterroristas, criminosos que não precisam sequer pegar em armas para espalharem o medo.

“O governo não tem conseguido resolver esse problema de maneira independente, e os civis estão na linha de batalha todo dia. Eu acho que, se falharmos contra isso, nós falhamos como sociedade”, afirmou Henry.

Fonte: Slashgear

Cupons de desconto TecMundo: