(Fonte da imagem: Divulgação)

Um britânico de 27 anos que não teve a identidade divulgada foi preso nesta sexta-feira (9) por invadir, vandalizar e roubar dados do site do British Pregnancy Advisory Service (BPAS), um serviço que fornece ajuda sobre métodos contraceptivos ou até abortos. Ele alega ser aliado ao Anonymous, o grupo ativista hacker mais famoso da internet.

Apesar da negação do BPAS, a investigação concluiu que o criminoso conseguiu acessar informações pessoais das mulheres cadastradas no serviço, que possui 40 clínicas espalhadas no país. Dados médicos sobre as pacientes, entretanto, continuaram em segurança.

De acordo com a BBC, o rapaz foi preso em Wednesbury, cerca de 200 km ao noroeste de Londres. Ele teria lançado uma série de ataques na noite da quinta-feira (8) para derrubar a página, mas teve a conta do Twitter rastreada e foi preso pela Scotland Yard. A ação policial rápida, segundo os investigadores, impediu a divulgação dos dados coletados na internet.

Cupons de desconto TecMundo: