Mais de 3,4 mil empresas na Europa foram afetadas pelo ransomware Erebus. Além dessas empresas, a transmissão online — que era paga — das 24 Horas de Le Mans também sofreu apagões, segundo o Jalopnik.

Segundo um representante da World Endurance Championship (WEC), o ataque saiu da Coreia do Sul em boa parte, e também surgiu dos Estados Unidos. "Nossos especialistas consideram que os problemas encontrados durante esta edição das 24 Horas de Le Mans provavelmente ecoam do ataque enfrentado pela empresa de hospedagem na web sul-coreana NAYANA, que foi afetada pelo ransomware Erebus", disse.

O Erebus infectou 153 servidores da NAYANA. Especificamente sobre a transmissão dos Le Mans, os usuários que pagaram e não conseguiram assistir — após inúmeras reclamações — estão recebendo o dinheiro de volta.

Cupons de desconto TecMundo: