Assim como previam os vazamentos, o PadFone Mini acaba de ser oficialmente lançado pela ASUS, em um evento feito em Taiwan. O aparelho é exatamente igual às imagens reveladas, como você pode ver no vídeo acima, trazendo um smartphone de 4,3 polegadas que pode ser acoplado a um “tablet” de 7 polegadas.

Quanto ao hardware, temos um aparelho um pouco mais fraco que o PadFone Infinity, mas que ainda deve ser suficiente para a maioria das situações: seu processador Snapdragon quad-core de 1,4 GHz, junto com uma memória RAM de 1 GB, resulta em uma combinação potente.

Além disso, o aparelho, que roda um sistema Android 4.3, ainda conta com algumas características interessantes. Entre elas, está a capacidade de tirar 16 fotos sequenciais por segundo e um modo com superiluminação para ambientes escuros. O mais interessante, todavia, é a possibilidade de usar o tablet como uma bateria extra para manter seu smartphone funcionando por mais tempo.

Especificações técnicas

  • Tela: 4,3 polegadas (7 polegadas no modo tablet);
  • Resolução de tela: 960x540 (1280x800 no modo tablet);
  • Sistema operacional: Android 4.3 (Jelly Bean);
  • Processador: Qualcomm Snapdragon quad-core de 1,4 GHz;
  • Memória RAM: 1 GB;
  • Armazenamento interno: 16 GB;
  • Armazenamento externo: cartões microSD de até 32 GB;
  • Câmera traseira: 8 MP com tecnologia PixelMaster;
  • Bateria: 1.500 mAh no smartphone + 2.200 mAh no tablet;
  • Peso: 415 g (quando no modo tablet).

Um belo aparelho que não veremos por aqui

O PadFone Mini já está disponível nas lojas, custando NT$ 11.990 (R$ 937, em uma conversão simples). Antes que você pense em comprar um PadFone, lamentamos informar que você provavelmente não vai conseguir nem mesmo importar um desses aparelhos – quem dirá então vê-lo por aqui.

Segundo o Engadget, a ASUS só o anunciou para Rússia, China, Hong Kong, Cingapura, Indonésia e Taiwan, e não parece ter qualquer plano de lançar o smartphone/tablet fora desses territórios (nem mesmo os EUA devem tê-lo por lá). É uma pena, pois um aparelho curioso tinha chances de fazer sucesso no mercado brasileiro.

Cupons de desconto TecMundo: