De acordo com uma atualização em documentos publicados pela agência britânica Companies House, tanto as seções do endereço como do diretor da Camel Audio foram trocadas por informações relacionadas à Apple: na 100 New Bridge Street está localizado um escritório da empresa da maçã, e a diretoria está ocupada pela advogada Heather Joy Morrison (funcionária da corporação).

Fechada em janeiro deste ano, a desenvolvedora especializada em efeitos sonoros teve como um de seus principais atrativos o programa Alchemy: um poderoso sintetizador de áudio com mais de mil efeitos sonoros e cerca de 5 GB de samples. O programa custava US$ 249.

No dia 8 de janeiro, o seguinte aviso foi postado no site da Camel Audio:

“Gostaríamos de agradecer você pelo suporte que recebemos ao longo dos anos em nossos esforços para criar bibliotecas de som, plugins de efeitos e instrumentos. Os plugins da Camel Audio, IAPs do Alchemy Mobile e bibliotecas de som não estão mais disponíveis para compra.

Nós continuaremos fornecendo downloads de suas compras passadas e ofereceremos suporte por email até o dia 7 de julho de 2015. Recomendamos que você baixe todos os produtos que você comprou e os mantenha armazenados para que você os possa continuar utilizando”.

Não se sabe ainda qual é o motivo da compra, mas as tecnologias desenvolvidas pela Camel podem ser usadas para aprimorar outros softwares de áudio da Apple, como o Logic Pro X e o GarageBand.

Cupons de desconto TecMundo: