(Fonte da imagem: Divulgação/Apple)

A Apple anunciou hoje (24), sem muito alarde, a atualização da linha iMac, que apesar de não trazer mudanças radicais, promete agradar aos consumidores mais exigentes. O foco dessa atualização está no desempenho e, por isso, mudanças significativas foram feitas no hardware da máquina, tornando-a ainda mais ágil.

Para começar, o iMac ganha processadores Haswell de quarta geração da Intel. O modelo de entrada, de 21,5 polegadas, agora possui um processador quad-core Core i5 de 2,7 GHz e a GPU integrada Iris Pro. Já a versão high-end do iMac de 21,5 polegadas e os dois modelos de 27 polegadas receberam CPU quad-core Core i5 de até 3,4 GHz e placas de vídeo NVIDIA GeForce da série 700, que fornece desempenho até 40% maior do que a da geração anterior.

Segundo o site BusinessWire, os consumidores que precisam da máxima performance de seus iMacs podem optar por uma configuração ainda mais robusta: processador quad-core Core i7 de até 3,5 GHz e placa NVIDIA GeForce GTX 780M com até 4 GB de memória de vídeo.

WiFi e Fusion Drive

Como se não bastasse, o iMac possui suporte para a nova geração de WiFi, a 802.11ac, que ao estar conectado à uma estação-base 802.11ac é capaz de oferecer três vezes mais desempenho do que o protocolo anterior.

E como nem só CPU e vídeo definem a performance de um computador, o novo iMac também ganhou atualização do Fusion Drive, tecnologia que combina drive de estado sólido com disco rígido. Agora, o drive possui suporte para HDs PCIe, o que, de acordo com a Apple, deve aumentar o desempenho do Fusion Drive em até 50%. Estão disponíveis opções de 1 TB e 3 TB.

Além disso, o consumidor também pode optar por uma opção de armazenamento exclusiva em memória Flash, de até 1 TB.

iMac mais caro no Brasil

De acordo com a Macworld Brasil, o preço dos iMacs continua o mesmo nos Estados Unidos, eles subiram consideravelmente no Brasil. O modelo de entrada, de 21,5 polegadas, passou de R$ 6,2 mil para R$ 6,8 mil, enquanto que o de 27 polegadas high-end foi de R$ 9,4 mil para R$ 10,4 mil.

Cupons de desconto TecMundo: