(Fonte da imagem: Reprodução/The Wall Street Journal)

O chefe de marketing da Apple, Phil Schiller, alfinetou o Android em uma recente entrevista ao jornal The Wall Street Journal. O executivo garantiu que a empresa não está preocupada com o software. Segundo ele, o sistema operacional da Google não oferece uma experiência de uso agradável para o usuário, e um dos pontos principais ainda é a fragmentação.

Schiller afirmou ainda que “o Android é muitas vezes dado como um substituto gratuito para um celular comum, e a experiência de uso não é tão boa quanto a de um iPhone”. O executivo continuou dizendo que o Android ainda deixa muito a desejar em termos de soluções de software integradas:

“Quando você tira um Android da caixa, você precisa se cadastrar em nove contas de serviços diferentes para ter a mesma experiência que vem com o iOS. E elas não trabalham perfeitamente bem em conjunto.”

Um dos principais problemas do Android, segundo Schiller, é que existem muitos aparelhos compostos por partes vindas de diferentes companhias, algo que não acontece com a Apple, já que a empresa é responsável por todo o hardware de seus smartphones.

A maioria dos clientes está satisfeita com seus iPhones

O executivo de marketing da Apple não citou o nome da Samsung durante a entrevista, mas afirmou que dados concretos de pesquisas internas da Apple comprovam que quatro vezes mais pessoas passaram do Android para o iPhone do que do iPhone para o Android no quarto trimestre de 2012.

Para completar, ele garantiu que 75% das pessoas estão satisfeitas com o iPhone, enquanto apenas 50% delas estão plenamente satisfeitas com os seus aparelhos Android.

Schiller não comentou sobre os futuros produtos da Apple e garantiu que o iPhone 5 é completamente capaz de enfrentar — e superar — qualquer outro concorrente que entre na disputa. Segundo ele, “a razão para as pessoas estarem fazendo aparelhos cada vez maiores é apenas para alcançar o tempo de vida que a bateria do iPhone 5 oferece”.

Cupons de desconto TecMundo: