(Fonte da imagem: Reprodução/Venture Beat)

A Apple acabou de anunciar os resultados do fechamento do primeiro trimestre fiscal de 2013, que terminou no dia 29 de dezembro de 2012. De acordo com as informações divulgadas, a empresa vendeu 47,8 milhões de iPhones (incluindo o novo iPhone 5) no período — um aumento de cerca de 10 milhões de aparelhos em relação ao mesmo período do ano anterior.

O iPad também vendeu mais nesse trimestre: foram 22,9 milhões de unidades em comparação com as 15,4 milhões de unidades vendidas no mesmo período do ano passado. Parte desse aumento nas vendas certamente é decorrente do lançamento do iPad mini.

O lucro da companhia também aumentou consideravelmente nesse trimestre. A Apple teve uma renda de US$ 54,5 bilhões (cerca de R$ 110 bilhões) com um lucro de US$ 13,1 bilhões (cerca de R$ 26,8 bilhões). As vendas internacionais representaram 61% da receita do trimestre.

500 milhões

Tim Cook apresentou outro resultado interessante: até o momento, já foram vendidos mais de 500 milhões de dispositivos iOS, sendo que, somente no último trimestre, 10 dispositivos iOS foram vendidos por segundo.

Outro dado impressionante é o número de cadastros no serviço de armazenamento na nuvem da Apple, o iCloud. Até o momento, já existem mais de 250 milhões de usuários cadastrados no serviço. O número de aplicativos disponíveis na App Store também atingiu uma marca incrível: mais de 800 mil softwares estão disponíveis na loja até o momento.

Mensagens não tão instantâneas assim

A Apple ainda divulgou informações relativas ao iMessage, o aplicativo de mensagens instantâneas da empresa. De acordo com a Maçã, todos os dias 2 bilhões de mensagens são enviadas através do serviço, que de acordo com alguns usuários vem deixado muito a desejar.

Muitas pessoas estão reclamando da inconsistência do serviço que entrega mensagens com atraso — isso quando entrega. Já imaginou se ele funcionasse sem falhas, quantas mensagens de texto seriam enviadas por dia?

Cupons de desconto TecMundo: