Durante uma entrevista ao jornal The Telegraph, Tim Cook foi abordado sobre criar uma aplicação para o setor médico. O CEO disse estar interessado na ideia, mas ela não envolveria o Apple Watch tradicional, que seria a escolha mais óbvia. O presidente da Apple diz que talvez optem por um aplicativo ou outro aparelho que se enquadre melhor no setor.

O motivo para não utilizar o relógio inteligente da Maçã é por causa da homologação para atuar na área médica. Em outras palavras, até o produto passar por selos de aprovação da FDA (Food and Drug Administration ou Administração de Alimentos e Drogas), a companhia sofreria com atrasos de lançamento, resultando em ciclos maiores de desenvolvimento.

Muito se especulou sobre o Apple Watch na época de seu lançamento, pois as pessoas tinham expectativas que o aparelho tivesse sensores que pudessem ser utilizados no setor da Medicina. O dispositivo da Maçã conta apenas com monitores cardíacos e recursos fitness, algo que não requer nenhum certificado da FDA.

Portanto, ainda é um mistério o que a empresa planeja para a área médica. Cook disse que talvez surja algo adjacente ao relógio, algo como um app específico para a área ou alguma outra coisa nova.

O que você acha da utilização de gadgets e apps na área da medicina? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: