Cofundador da Apple ao lado de Steve Jobs, Steve Wozniak está afastado de cargos da empresa há bastante tempo, mas nunca deixa de opinar sobre o futuro da gigante e da tecnologia em geral. Desta vez, em um email trocado com o site Cnet, ele comentou sobre dispositivos móveis os rumores sobre o modelo a ser lançado pela Maçã, até agora chamado de "iWatch".

"A Apple trabalha duro para fabricar produtos excepcionalmente bons e não lança coisas rápido demais, como um wearable (dispositivo vestível). Então, se um é introduzido, eu espero que ele tenha a chance de direcionar e fazer essa categoria de produtos finalmente viável", disse Woz, acreditando no sucesso da possível nova empreitada da empresa.

"Sinto que os wearables são difíceis de serem vendidos. Eles são um bom meio-termo para o smartphone, mas são uma peça adicional e que têm vantagens especiais que um celular não tem, na minha opinião. (...) Eu, pessoalmente, quero uma tela maior que pode fazer mais o que meu iPhone consegue. Os displays de 1,5" não me compram. Se ele serve para falar pelo telefone, que o alto-falante seja bom", critica o empresário.

Dizendo que está "prendendo a respiração" enquanto aguarda um anúncio, Woz espera ainda que funções de fitness estejam presentes. A Apple fará um evento em 9 de setembro para revelar o iPhone 6. Será que o relógio inteligente não dá as caras por lá também? Fique de olho no TecMundo para saber todas as novidades.

Cupons de desconto TecMundo: