Quem decidir esperar pelo lançamento do Snapdragon 820 será agraciado não apenas por mais poder de processamento gráfico. É que a Qualcomm anunciou nesta segunda-feira (31) a tecnologia de segurança Smart Protect, que irá acompanhar todos os smartphones equipados com o vindouro componente.

O diferencial do software de proteção contra malwares está na forma como o monitoramento de aplicativos é feito: em vez de consultar uma lista com atualizações sobre as mais recentes definições de vírus, o sistema nativo do processador irá analisar “comportamentos suspeitos” por parte dos apps.

A companhia informou que trabalha na distribuição da API criada para o novo recurso Smart Protect. A ideia é fazer com que companhias especializadas em segurança possam também desenvolver soluções baseadas no promissor mecanismo de proteção, junto da Qualcomm.

“Snapdragon Smart Protect é capaz de apurar o comportamento das aplicações do dispositivo em tempo real e de identificar e classificar quase que instantaneamente qualquer comportamento considerado suspeito ou anormal”, afirma a empresa. As ameaças são classificadas sob uma série de níveis, que vão desde malwares absolutamente destrutivos até spywares e vírus menos danosos, como adwares.

Outro aspecto que pode fazer de Smart Protect uma alternativa interessante a usuários e fabricantes que não abrem mão da segurança é o fato de que, para funcionar, a tecnologia não necessita de internet. O Snapdragon 820 é esperado para o próximo ano.

Qual antivírus você usa em seu celular? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: