(Fonte da imagem: Reprodução/Reuters)

Durante a CES 2014, a Intel anunciou que vai se afastar de vez da imagem do empresário John McAfee e passará a chamar seu antivírus de Intel Security. Diante da situação, a Reuters procurou o excêntrico milionário, que afirmou que está feliz pela decisão da companhia. “Tenho implorado há anos para que eles abandonassem a marca ou arrumassem o produto”, afirmou McAfee.

O empresário afirmou que também não estava contente com o fato de que o software estivesse atrelado a seu nome, embora não atribua isso a seu comportamento recente. “Sou quem sou. Peço desculpas se vivo no limite e aproveito a vida sem ligar para o que as outras pessoas pensam sobre mim”, declarou.

A decisão da Intel surge de forma natural, visto o comportamento de McAfee nos últimos meses. Após ter sido preso em Belize ao ser relacionado a um caso de assassinato, o empresário criou um vídeo intitulado “Como desinstalar o McAfee Antivírus”, no qual ele aparece disparando contra um computador enquanto está acompanhado por mulheres seminuas e drogas.

Diante dessa situação e de outras declarações do executivo, não é nenhuma surpresa que a Intel tenha decidido se afastar o máximo possível dele. A expectativa é a de que a transição para o nome Intel Security seja finalizada em algum momento de 2015 — o que dá tempo suficiente para o excêntrico milionário nos brindar com várias de suas declarações e atitudes polêmicas.

Cupons de desconto TecMundo: