Nós, brasileiros, amamos Cavaleiros do Zodíaco, e isso é uma informação famosa até entre os japoneses. A série fez parte da nossa infância e somos simplesmente aficionados pelas armaduras de ouro, os golpes e as características que deram o pontapé inicial à cultura de animações japonesas aqui (apesar de já existirem antes). O diretor da Toei Animation, Kozo Morishita, veio do Japão ao Brasil para falar um pouco na Comic Con Experience 2016.

O senhor Morishita participou no painel da CCXP 2016 no Auditório Ultra, no sábado (3), e comentou muitas coisas em relação à série clássica, sobre os filmes da série Saint Seiya, sua produção na Toei e um pouco do que esperar dos três projetos novos de Cavaleiros para o ano que vem.

Saint Seiya Soul of Gold foi uma das animações bem cotadas do ano passado

Curiosidades da série

Durante o breve bate-papo que Morishita teve no painel, muitas curiosidades da série clássica foram comentadas. Só para dar um pequeno contexto de quem é Kozo Morishita: trata-se do responsável por produzir e participar diretamente do desenvolvimento de Dragon Ball Z, Cavaleiros do Zodíaco e muitas outras animações de ação. Sem dúvida, um dos maiores nomes quando o assunto é Saint Seiya.

O produtor revelou que, ao contrário do que se pensa, nunca houve um piloto da saga de Hades, mas sim um episódio-conceito de uma franquia que nunca vingou, que colocaria cinco jovens para pilotar mechas (Cavaleiros do Zodíaco + Evangelion?). E por falar nele, o produtor disse que, se existir público para a ideia, é possível que ela saia um dia.

Lenda do Santuário foi o filme de CG da série

Falando em projetos inacabados, Morishita comentou um pouco do filme “Prólogo do Céu”, que serviria como base na época para dar o pontapé inicial na tão querida e inexistente “Saga de Zeus”, que era especulada pelos fãs. De acordo com o produtor, Kurumada (criador da série) não gostou da ambientação mais adulta, que foge do gênero shonen, que é voltado para crianças e adolescentes. Mais uma vez, uma continuação do filme não está descartada por completo.

Será que poderemos ver uma continuação de "Prólogo do Céu" algum dia?

Kozo comentou um pouco sobre o público brasileiro. A Toei sabe o quanto o Brasil consome da série Saint Seiya, e justamente por isso estamos em uma certa lista de prioridades. A animação em CG “Lendas do Santuário”, por exemplo, foi pensada para ter o nosso país como um dos primeiros a receber nos cinemas.

A série Ômega e Soul of Gold ganharam streaming simultâneo no Brasil através do Crunchyroll, tudo com legenda em português. Se mais projetos seguirem a mesma linha, certamente o modelo será repetido aqui. O maior problema seria em uma nova animação para TV, que dificultaria trazer o conteúdo rapidamente para cá, mas Morishita acredita que, com certeza, a empresa acharia uma solução que agradaria os brasileiros.

Todos esperam algum plano para a série clássica

Remake ano que vem? Filme em CG? O que esperar?

Um pouco antes de a Comic Con começar, algumas informações foram divulgadas sobre o futuro de Saint Seiya. Ano que vem, os fãs serão agraciados com um filme em CG (continuação de “Lendas do Santuário”?), um longa em live action e uma nova série para TV. Não há muito o que especular sobre as duas primeiras opções, mas a última coloca algumas pulgas atrás da orelha.

Ano que vem teremos uma série de TV, um filme live action e um longa-metragem em CG! O que esperar?

Acontece o seguinte: há muitas opções para se pensar sobre uma nova animação para TV. Episódio G, por exemplo, nunca ganhou uma série, assim como o final de Lost Canvas (os direitos não estão com a Toei, e sim com a TMS, mas não custa sonhar), a recém-chegada Saintia Shô e até mesmo a continuação oficial da série: Next Dimension, que ainda está em produção (e das lentas, por sinal).

Porém, o que mais brinca com os corações dos fãs é justamente a última possibilidade: um remake da série clássica. No final da apresentação Morishita, os fãs foram agraciados com diversos vídeos refeitos da animação clássica, como a abertura da Saga Santuário e a da Saga de Odin.

Muitos outros vídeos 2D com uma qualidade incrível foram exibidos, mostrando Seiya e os demais enfrentando inimigos nas casas de ouro do Santuário. O grande problema é que a maioria desse conteúdo é fruto das máquinas de Pachinko no Japão, como o exemplo que você vê acima.

Nada foi confirmado, mas as animações de pachinko refeitas dão asas à imaginação

Nós não conseguimos filmar o evento pois não era permitido, e a situação mexe ainda mais com as expectativas: será que podemos mesmo ver o anime clássico refeito na atualidade? Morishita queria dar mais informações e até ligou para Tokyo, mas não permitiram que mais detalhes fossem revelados. E aí, bora pensar positivo para esse sonho acontecer?

Cupons de desconto TecMundo: