Quem é parado por um policial no trânsito pode apelar para a corrupção e dar uma "ajudinha" ao oficial, fornecendo um dinheiro extra em forma de propina ou suborno — às vezes, é o próprio agente sugere o pagamento para "facilitar" o caso. Só que aí fica a dúvida: afinal, quanto eu devo pagar de valor mínimo para ser liberado? Se você acha a situação bizarra ou imprópria demais, acredite: existe até um app para isso.

O Bribed: See What Other Pay (ou "Subornado: Veja Quanto os Outros Pagam", em tradução literal) é um app desenvolvido por um empresário norte-americano, um programador de Botsuana e um engenheiro de software da Tasmânia. Ele reconhece em qual país você está, consulta um banco de dados próprio com valores de suborno e indica uma quantia a ser paga.

O app pode ser instalado em smartphones no Brasil, mas o serviço sugere que a taxa de propina no país é baixa demais para ser considerada. Na verdade, é possível que o local ainda não esteja nos bancos de dados do Bribed, já que ele é destinado originalmente para o público da África e dos Estados Unidos.

Vale lembrar que, no Brasil, o suborno é considerado crime de corrupção ativa pelo Código Penal, podendo levar a até 12 anos de prisão.

Cupons de desconto TecMundo: