Com a nova versão de seu sistema operacional móvel cada vez mais perto de chegar aos consumidores, a Google tem investido tempo e pessoal para garantir que todos os seus aplicativos e serviços estejam prontos para ele. Desta vez, o produto escolhido para receber esses cuidados foi o Google Play Banca, que teve seu visual completamente reformulado para se alinhar ao conceito de Material Design aplicado no Android L.

O aplicativo, lançado em novembro do ano passado, funciona como uma banca de jornal virtual, na qual o usuário pode navegar pelas páginas de sites, jornais e revistas, se informando e procurando pelo conteúdo que mais lhe interessar – entre opções pagas e gratuitas.

Seguindo as diretrizes das novas regras de design de interface e de experiência de usuário, chamada Material Design, o visual do app deve se apoiar em imagens grandes, cabeçalhos que incorporam uma paleta de cores mais unificada para o produto e efeitos de transição mais fluidos e naturais, fatores que visam tornar mais agradável o contato do público com o sistema mobile.

Mais facilidade na leitura com o celular

As mudanças, porém, não são só gráficas e devem se expandir para um outro ponto que precisava ser melhorado no Google Play Banca: a leitura das matérias dentro das publicações. Até então, a navegação se mostrava bem truncada, já que era preciso ficar ampliando ou afastando o zoom nas páginas para conseguir se aprofundar nos tópicos.

Agora, você não vai mais se sentir como se estivesse mexendo em uma versão PDF da revista ou jornal. O conteúdo colocado à disposição dos leitores vai permitir uma navegação rápida, em um formato bem mais amigável e elaborado especificamente para a tela de dispositivos móveis – mesmo se o display do seu aparelho não for dos maiores.

O aplicativo reformulado já está disponível para diversos usuários, mas deve se expandir para todos os usuários de Android até a semana que vem. Ainda não há previsão para a atualização da versão para iOS do Google Play Banca.

Cupons de desconto TecMundo: