Na última segunda-feira (6), o Motor Trend divulgou um relatório mostrando o receio em relação aos dados armazenados pelo Android Auto. Entretanto, a Google afirmou que não há motivos para temer, pois o documento não divulgou corretamente alguns detalhes considerados importantes. 

“Levamos a questão da privacidade muito a sério e não armazenamentos dados como o artigo do Motor Trend afirma, como a posição do acelerador e a temperatura do óleo. Os usuários escolhem se querem ou não compartilhar informações com o Android Auto para melhorar suas experiências, então o sistema se torna livre quando está dirigindo e oferece navegação mais precisa pelo GPS do carro”, explicou a Google em mensagem enviada ao site The Verge. 

O artigo do Motor Trend também menciona que a preocupação da Porshe com a coleta de dados do Android Auto levou a empresa a escolher o CarPlay como o sistema presente no 911 Carrera e no 911 Carrera S – algo que a Google não negou diretamente, mas reforçou que a coleta de dados visa apenas permitir que o usuário possa conduzir seu carro de forma segura. 

Conta aí: você acha que empresas como a Google realmente estão rastreando cada passo que damos? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: