(Fonte da imagem: iStock)

Conforme o que foi anunciado pelo Tecmundo há alguns meses, a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) realizará uma medição na velocidade da internet de todo o Brasil. A intenção do projeto é medir a qualidade do serviço fornecido pelas operadoras de banda larga e penalizar as empresas que não cumprem as normas da Agência.

Ao longo do projeto, que está previsto para durar cinco anos, cerca de 12 mil voluntários serão recrutados para testar o desempenho do serviço de banda larga contratado para suas casas. Cada pessoa sorteada vai receber um dispositivo chamado Whitebox, responsável pela execução dos testes de desempenho na conexão.

Como funciona o Whitebox?

O Whitebox nada mais é do que um roteador TP-Link que roda o firmware da EAQ (Empresa Aferidora da Qualidade de Banda Larga). O dispositivo é instalado entre o roteador e os demais aparelhos conectados à rede. Ou seja, o cabo de qualquer máquina que acesse a internet deve ser plugado no Whitebox, e não diretamente no roteador.

(Fonte da imagem: iStock)

O dispositivo executa testes de velocidade de download, velocidade de upload, latência, variação de latência e perda de pacotes. As informações coletadas são enviadas periodicamente para o órgão responsável pela análise dos dados.

Segurança

Segundo as informações fornecidas na página da EAQ, o Whitebox não coleta nenhuma informação pessoal durante a realização dos testes. Além do resultado das análises feitas pelo dispositivo, os únicos dados solicitados para os voluntários são o endereço para envio do aparelho de medição e um email de contato.

(Fonte da imagem: iStock)

Também consta no site a informação de que o EAQ não coleta qualquer informação de navegação pessoal que passe pelo Whitebox. Ou seja, não há como a empresa saber quais páginas são acessadas a partir das máquinas conectadas à rede com o dispositivo de medição.

E quando acabar o projeto?

Os voluntários que permanecerem até o final do projeto não precisarão devolver o Whitebox, podendo utilizá-lo para fins pessoais. Porém, aqueles que quiserem se desvincular da proposta antes do período de cinco anos serão obrigados a devolver o dispositivo para o órgão de medição.

Como ser um voluntário

Para fazer parte do grupo de voluntários para a medição da internet, é preciso fazer a inscrição na página da Empresa Aferidora da Qualidade de Banda Larga. Depois de realizar o cadastro, é só torcer para você ser um dos escolhidos. Não se esqueça de conferir os pré-requisitos antes de se inscrever.

Cupons de desconto TecMundo: