Na tentativa de sobreviver a um mercado cada vez mais dominado pela NVIDIA, a AMD decidiu criar uma divisão separada responsável por lidar com a linha de GPUs Radeon. A nova empresa vai atuar de forma independente e vai passar a se chamar de Radeon Technology Group, tendo os chips gráficos como seu principal negócio.

O responsável pela nova divisão é Raja Koduri, que trabalhou junto à companhia durante muitos anos, fora um breve período em que passou na Apple. Embora ainda esteja ligada à AMD no momento, o novo grupo tem o potencial de se tornar uma empresa totalmente separada caso o rumo tomado pela companhia siga o caminho atual.

Essa mudança é bastante drástica quando se leva em consideração o histórico da AMD, que comprou a ATI Technologies em 2005 por US$ 5,4 bilhões. Com a nova estrutura, a organização espera conseguir recuperar espaço frente à NVIDIA e à Intel, após cinco anos registrando perdas em suas operações.

Já a marca AMD vai continuar ligada à produção da APUs, soluções que combinam poder de processamento gráfico com a realização de tarefas mais gerais. Apesar de ainda serem desenvolvidos junto à Radeon Technology, esses produtos devem ser comercializados de forma diferenciada com a nova estrutura.

Cupons de desconto TecMundo: