Radeon HD 8970 para PCs OEM (Fonte da imagem: Divulgação/AMD)

A AMD vem seguindo um cronograma muito diferente daquele ao qual estávamos habituados. Em anos anteriores, a companhia lançava sua nova geração de chips gráficos antes da NVIDIA e sempre trazia produtos à altura dos modelos concorrentes.

Entretanto, a chegada da linha Radeon HD 7000 parece ter alterado o rumo das coisas. Apesar de apresentar componentes evoluídos e alguns até equiparáveis aos da concorrente, a AMD se obrigou a atualizar seus chips antecipadamente.

Exemplo disso foi a turbinada em algumas GPUs, que depois foram embutidas em placas com o selo “GHz Edition”. Outra coisa que destoou foi o lançamento atrasado de um chip com dois núcleos (o Radeon HD 7990), o qual chegou quase um ano depois do modelo da concorrente.

AMD Radeon HD 7990 (Fonte da imagem: Divulgação/AMD)

Aproveitando esse desiquilíbrio — talvez proposital — no cronograma da AMD, a NVIDIA lançou três chips gráficos de sua nova série GTX 700. A companhia responsável pela linha de produtos Radeon, por outro lado, parece estar cada vez mais adiando seus componentes. Hoje, vamos falar sobre as ações da AMD e tentar definir uma data para o lançamento das novas GPUs.

Planejando um lançamento decente

Conforme citamos acima, a série HD 7000 saiu dos eixos previstos. Além dos imprevistos com clocks, atrasos e disparidade com a concorrência (há placas da NVIDIA que não têm adversárias diretas), a placa top de linha — a HD 7990 — sofre violentamente com problemas de calor excessivo. Depois de algum tempo, os inconvenientes foram resolvidos.

Contudo, ao tentar realizar testes em CrossFire, o site Tom’s Hardware detectou temperaturas mais elevadas do que o comum. Realizando análises com o Unigine Heaven, o editorial do site obteve leituras de 102 °C. Outros testes (como o da Falcon Northwest) apontaram problemas semelhantes. Segundo a AMD, tais situações não se repetiram em laboratório.

(Fonte da imagem: Reprodução/Tom`s Hardware)

A conclusão de toda essa história é que parte do problema se deve à arquitetura e outra parte cai na responsabilidade do driver. Segundo o pessoal da iBuyPower, a Radeon HD 7990 não foi programada para trabalhar em conjunto com outra placa. Isso é um tanto estranho, visto que o consumidor tem o direito e pode adquirir duas placas idênticas para obter mais poder.

Considerando essa questão do atraso e o lançamento despreparado dos produtos, podemos ter ideia do motivo para a AMD estar empurrando a data de chegada da nova série para frente. A verdade é que os consumidores buscam produtos estáveis e a companhia não pode falhar, pois erros muito graves podem levar os jogadores a optar pela concorrência.

Uma série somente OEM?

Considerando a demora da AMD em comentar sobre sua nova família de chips gráficos, muitos boatos começaram a circular, sugerindo que a companhia iria pular uma série, ou seja, em vez de lançar a HD 8000, a fabricante iria investir diretamente na linha HD 9000.

AmpliarSuposto diagrama de blocos da Radeon HD 9970 (Fonte da imagem: Reprodução/Softpedia)

O rumor foi criado depois que a AMD disponibilizou, no fim do ano passado, as placas gráficas HD 8000 apenas para o mercado OEM. Tais componentes voltados a montadoras de PCs são apenas os chips antigos com algumas alterações de clock.

A história foi desmentida pela própria AMD, que, em fevereiro, comentou que, por ora, iria melhorar a série HD 7000 e só lançaria os novos produtos — que não têm nomes definidos — no fim de 2013.

Aperfeiçoando uma arquitetura

Já dizia o ditado: não se mexe em time que está ganhando. No caso das GPUs Radeon, todo o trabalho realizado para aperfeiçoar a série HD 7000 levou a empresa a produzir componentes muito bem capacitados para a batalha, os quais fazem frente até para alguns chips mais recentes da concorrente.

É justamente por isso que, em vez de trabalhar em uma arquitetura completamente diferente, a AMD optou por evoluir a GCN para a versão 2.0 — ao menos é o que indicam fontes confiáveis. A ideia de trabalhar com algo já consolidado é válida, pois a empresa pode focar apenas nos detalhes e também dar atenção ao software — algo que faz muita diferença!

AmpliarMelhorias da arquitetura GCN (Fonte da imagem: Divulgação/AMD)

Por fim, temos a questão da data. Apesar de a fabricante ter afirmado anteriormente que as novas placas chegariam somente no fim do ano, pode ser que os planos sejam alterados. Conforme notícias recentes, as placas Radeon HD 8000 tiveram a data de lançamento antecipada para o terceiro trimestre deste ano.

Além disso, especificações “vazadas” e fotos da suposta Radeon HD 8970 XT indicam que os novos produtos já estão devidamente encaminhados. Abaixo, você pode conferir as diferenças (baseadas nos rumores mais plausíveis) que devem existir entre a série atual e a próxima:

 AMD Radeon HD 7970AMD Radeon HD 8970
CodinomeTahiti XTCuraçao XT
Clock da GPU925 MHz1.050 MHz
Clock da Memória5,5 GHz6 GHz
Largura de banda264 GB/s288 GB/s
FLOPs3.789 GFLOPS5.376 GFLOPS
Pixel Rate29,6 GPixel/s50,4 GPixel/s
Texture Rate118,4 GTexel/s168 GTexel/s
Unidades Shading2.0482.560

Se essas placas vão ser lançadas em julho, agosto ou setembro, não temos como saber. Todavia, podemos apostar muitas fichas de que a AMD tem grandes motivos para antecipar a liberação dos produtos.

(Fonte da imagem: Divulgação/AMD)

Ainda mais se considerarmos que alguns jogos de peso — como Battlefield 4 — serão lançados muito em breve. Afinal, a AMD não vai querer fazer propaganda com produtos da geração anterior enquanto sua principal concorrente conquista o mercado com chips recentes.

De uma coisa podemos ter certeza: a AMD não vai perder a chance de ser a maior fabricante (ela fornece os componentes para o Xbox One, o PS4 e o Wii U) de chips gráficos. De qualquer forma, podemos saber que os novos chips Radeon vão nos surpreender como já ocorreu com dispositivos das séries anteriores. Na próxima geração, você vai de NVIDIA ou AMD?

Cupons de desconto TecMundo: