Junto com os novos tablets, a Amazon apresentou o sistema operacional Fire OS 4. De codinome "Sangria", ele funcionará com os aparelhos de terceira e quarta gerações da linha Fire — e virá pré-carregado nos dispositivos recém-apresentados. Para a geração antiga, a atualização será gratuita, mas só deve chegar no começo do ano que vem.

O Fire OS 4 é baseado no Android 4.4 (KitKat), mas adiciona funções e serviços que, segundo a companhia, melhoram a navegação, criam atalhos inteligentes e economizam energia. A tecnologia ASAP, por exemplo, prevê o que você quer assistir e faz sugestões na hora. Já o Smart Suspend é um modo de uso para quando o tablet está ocioso, economizando até 25% da bateria em standby.

Bastante indicado para quem assiste a muitos conteúdos na TV e usa o tablet como segunda tela, o Firefly, disponível em breve e só no Fire HDX 8.9, identifica artes, textos e áudios na hora, permitindo interação para mais de 100 milhões de itens.

Há ainda espaço ilimitado na nuvem para o armazenamento de fotos tiradas com dispositivos Fire.

Família em primeiro lugar

As atualizações na interface de usuário não são visualmente radicais, mas a estrutura mudou. A partir de agora, é possível adicionar diferentes perfis a um mesmo aparelho, um para cada membro da família, por exemplo. Cada conta poderá acessar diretamente os próprios perfis em redes sociais e ter configurações individuais de brilho e Favoritos, por exemplo.

Como não poderia deixar de ser, o Fire OS 4 disponibiliza integração completa com softwares e conteúdos da Amazon. Com a Family Library, uma rápida sincronia poderá ser feita entre várias plataformas e será possível passar apps, games, audiolivros, ebooks e até conteúdos do Prime Instant Video para outros membros da sua família.

Cupons de desconto TecMundo: