A grande maioria dos robôs que vimos até hoje é composta por quadrúpedes, os poucos bípedes que surgem, raramente conseguem desenvolver velocidades satisfatórias, pois não possuem equilíbrio suficiente para tal. Mas a DARPA (Agência de Projetos de Pesquisa Avançada de Defesa, Estados Unidos) está planejando uma revolução no tema.

Foi divulgado um vídeo que mostra os primeiros passos do projeto que está sendo executado pelos engenheiros da agência. Segundo afirmam os pesquisadores, com todas as projeções já realizadas até hoje, o FastRunner atingiu velocidades superiores aos 48 km/h. Vale dizer que ainda não foram criados protótipos e todos os cálculos são baseados em projeções de computador.