A semana começou com uma transação bilionária entre duas grandes empresas de tecnologia. Nesta segunda-feira (25), o Yahoo anunciou a sua aquisição pela Verizon, empresa de telecomunicações dos Estados Unidos, por nada menos que US$ 4,83 bilhões (aproximadamente R$ 15,8 bilhões em conversão direta na cotação atual). A negociação inclui apenas a operação da empresa e não os seus ativos na Ásia.

De acordo com as empresas, a compra será finalizada em 2017 e o Yahoo será integrado à AOL, que também foi comprada pela Verizon em maio do ano passado. “O que realmente destaca o Yahoo é a paixão compartilhada de criar produtos de mais de 1 bilhão de usuários, e continuar a fazer isso, transformando o mundo em um lugar melhor”, afirmou a presidente-executiva do Yahoo, Marisa Mayer.

A operadora norte-americana Verizon comprou o Yahoo por mais de R$ 15 bilhões

Motivos?

Para aqueles que estavam se perguntando por que uma empresa de telecomunicações estaria se aventurando com a compra do Yahoo, o próprio presidente-executivo da Verizon explica: “A aquisição do Yahoo colocará a Verizon em uma posição altamente competitiva como uma companhia de mídia móvel global, e ajudará a acelerar nossa corrente de receita digital com publicidade”, afirmou Lowell McAdam, que também é presidente de console da companhia.

Essa já é a segunda compra bilionária da Verizon, que mostra estar querendo se transformar em peixe grande no mercado tecnológico. Em maio do ano passado, a companhia adquiriu a AOL por US$ 4,4 bilhões (aproximadamente R$ 14,4 bilhões em conversão direta na cotação atual). As duas empresas compradas serão integradas e ficarão sob a liderença de Marni Walder, presidente de inovação de produto e novos negócios.

Essa já é a segunda compra bilionária da Verizon, que mostra estar querendo se transformar em peixe grande no mercado tecnológico

O Yahoo é dono de portais conhecidos de notícias, esportes e finanças. Porém, a empresa ainda possui um serviço de email com cerca de 225 milhões de usuários ativos por mês, além da plataforma Tumblr e o serviço de análise de aplicativos Flyrry. “Yahoo e AOL popularizaram a internet, o e-mail, a busca e a mídia em tempo real. É poético juntar forças ao AOL e a Verizon à medida que entramos nesse novo capítulo focados em atingir escala e mobilidade”, comentou Marisa.

De acordo com a Verizon, a compra da Yahoo vai criar “um dos maiores portfólios de marcas globais próprias e de parceiros com extensa capacidade de distribuição”. Segundo estimativas, as duas empresa terão mais de 25 marcas debaixo do mesmo guarda-chuva.

Marisa Mayer deve ficar

Embora a Verizon tenha confirmado que ainda está avaliando quem vai compor o corpo administrativo do Yahoo depois da aquisição, é muito provável que a atual presidente-executiva deva permanecer. "Para mim, pessoalmente, estou planejando ficar", disse Mayer através do comunicado oficial à imprena. "Eu amo o Yahoo e eu acredito em todos vocês [Verizon]. É importante para mim ver os próximos passos do Yahoo".

Cupons de desconto TecMundo: